sexta-feira, 26 de fevereiro de 2010

"... life goes easy on me, most of the time..."

Eu hoje ia escrever sobre alegrias... momentos de felicidades sem explicação, que simplesmente acontecem quando se menos espera! Então após uma sucessão de momentos mágicos, um deles, mexeu muito comigo... O mais patético, mais imprevisível, e por que não dizer mais masoquista, mas sim ele! Me fez correr e mexer em velhas coisas, e velhas coisas me fazem lembrar muitas outras coisas que foram guardadas em um cantinho especial do meu coração, e elas estão acompanhadas de imagens, sons, e textos...
No meio dessas lembranças mal apagadas, uma música que sempre me perseguiu apareceu, e não era um sertanejo qualquer que eu simplesmente não conseguia esquecer, mas sim, uma música que da mesma forma que já me trouxe muito prazer, já me trouxe muita tristeza, isso que na época eu nem "entendia", quer dizer, vivia o que a letra dela queria me dizer... Mas essa noite TUDO vez sentido... e doeu muito mais do que de costume, pois além de trazer todas as lembras que já estão grudadas nela, ela grudou novas lembranças a elas!! Lembranças que ainda não viraram passado, mas que já não são mais o presente.
E eu fico no meio, no impasse do que fazer e o que sentir. Eu nunca senti DOR NO CORAÇÃO antes, a não ser a vez que eu tive sopro, e agora eu estou sentindo, ele bate tanto que parece que seria capaz de explodir!!!! E eu queria que explodisse de uma forma que eu esquecesse, mas sobrevivesse - como uma batida de cabeça acidental na privada do banheiro qnd sai do banho, que deixa marcas, apaga memórias, mas nada que 3 dias de cama não resolvam!

Tenho certeza que estão todos LOUCOS pra saber que música é essa, mas eu não falo... Quem convive comigo pode até imaginar que música é, mas pouco importa, as vezes não causa o mesmo efeito nas pessoas! Mas como diz a musica que eu estou ouvindo agora : " a tristeza tem sempre uma esperança, de um dia não ser mais triste não! "
E é assim que eu sou, sou uma pessoa preenchida com esperanças... vazias, mágicas, essenciais, não importa!

Old stuff, are old! É tudo o que tenho pra dizer por hoje!
Além de dizer que foi um dia muitoooo estranho de uma forma muitoooo engraçada!!! Adoro falar inglês, adoro dia de super-não-produção na faculdade!!!! Acho que BEM AOS POUCOS eu estou voltando a ativa...

"Por que esperar tanto assim de alguém?" perguntou Bebel Gilberto em uma de suas músicas, se alguém souber a resposta me diz!!!!
Beijos, em especial pra minha mãe, pro meu pai, pro meu irmão, e pra minha vó linda! *.* Saudades de casa, mas é bom estar onde estou! AMO s2

Um comentário:

  1. Uhul Laus inspirada pra escrever! ;D
    passando pra deixar um oi o/

    s2

    ResponderExcluir